29 agosto 2016

Resenha - O Eterno Namorado - Nora Roberts

Titulo: O Eterno Namorado
Autor: Nora Roberts
Editora:Arqueiro
Número de Páginas: 304
Classificação: 4/5

Tudo o que acontece na vida de Owen Montgomery é meticulosamente organizado em uma planilha ou lista de tarefas. No trabalho não é diferente, e é graças a sua obsessão por ordem que a Pousada Boonsboro está prestes a ser inaugurada – dentro do cronograma.

A única coisa que Owen jamais previu foi o efeito que Avery MacTavish teria sobre ele. A proprietária da pizzaria em frente à pousada sempre foi amiga da família e agora, enquanto vê em primeira mão a fantástica reforma pela qual o lugar está passando, também observa a mudança gradativa de seus sentimentos por Owen.

Os dois foram namorados de infância, e desde então tinham estado bem distantes dos pensamentos um do outro. O desejo que começa a surgir entre eles, porém, não tem nada de inocente e é impossível de ignorar.

Enquanto Owen e Avery decidem se render à paixão e levar seu relacionamento a um nível mais sério, a inauguração da pousada se aproxima e dá a toda a cidade um motivo para comemorar. Mas quando os traumas do passado de Avery batem à porta e a impedem de se entregar, Owen sabe que seu trabalho está longe de terminar. Agora ele precisa convencê-la a baixar a guarda e perceber que aquele que foi seu primeiro amor pode também ser seu eterno namorado.

A Pousada finalmente está pronta e a poucos momentos de ser inaugurada, e com isso a responsabilidade em finalizar os últimos detalhes é grande,e claro que sendo tão meticuloso com cada detalhe feito na pousada tinha que ser Owen a dar o aval final.
Com a ajuda de Clare,Avary e Hope,mais detalhes são finalizados,e com isso a digamos reaproximação de Avery e Owen é inevitável e a cada dia eles dão pequenos passos nesse novo relacionamento com uma ajudinha de nossa querida Lizzie.

Mas como nem tudo são flores,o passado que Avery tenta superar a cada dia acaba retornando,e por ser uma pessoa decidida (ou quase),e independente ela acaba  sugando toda essa tormenta pra si o que acaba afastando seus amigos e Owen de sua vida,mas por pouco tempo (graças aos céus) e mais uma etapa é superada nesse relacionamento.

com a ajuda de seu pai e amigos,Avery finalmente percebe o quanto Owen é importante em sua vida e que desde crianças foram destinados a ficarem juntos,afinal o primeiro amor a gente nunca esquece ;)

Gostei muuuto dessa leitura,tia Nora nunca decepciona,super recomendo sim,maaaas apesar de ter gostando muito esse ainda não é meu preferido,minha impressão quanto a Avery não mudou do livro passado pra esse,ela é muito mimizenta,em certos momentos minha vontade de entrar dentro do livro e dar uns tapões nela só aumentava,mama mor é puro amor e o que falar da Lizzie??!!! Tudo né gente,nesse livro passamos a conhecer mais desse personagem tão instigante que nos faz ficar horas e horas imaginando como ela é,como foi sua vida e o porque de ficar na Pousada e tô aqui na ansiedade pelo próximo livro pra saber esse desfecho final.

E a cada dia que passa meu desejo de trabalhar em uma pousada só aumenta,e não ainda não desisti de trabalhar em uma livraria ou editora mas é bom termos uma segunda ou terceira opção não é mesmo?! ;)

07 agosto 2016

Resenha - A Caminho do Altar - Julia Quinn

Titulo: A Caminho do Altar.
Autor: Julia Quinn
Editora: Arqueiro
Número de Páginas: 320
Classificação: 3/5

o contrário da maioria de seus amigos, Gregory Bridgerton sempre acreditou no amor. Não podia ser diferente: seus pais se adoravam e seus sete irmãos se casaram apaixonados. Por isso, o jovem tem certeza de que também encontrará a mulher que foi feita para ele e que a reconhecerá assim que a vir. E é exatamente isso que acontece.

O problema é que Hermione Watson está encantada por outro homem e não lhe dá a menor atenção. Para sorte de Gregory, porém, Lucinda Abernathy considera o pretendente da melhor amiga um péssimo partido e se oferece para ajudar o romântico Bridgerton a conquistá-la.

Mas tudo começa a mudar quando quem se apaixona por ele é Lucy, que já foi prometida pelo tio a um homem que mal conhece. Agora, será que Gregory perceberá a tempo que ela, com seu humor inteligente e seu sorriso luminoso, é a mulher ideal para ele?

A caminho do altar, oitavo livro da série Os Bridgertons, é uma história sobre encontros, desencontros e esperança no amor. De forma leve e revigorante, Julia Quinn nos mostra que tudo o que imaginamos sobre paixão à primeira vista é verdade – só precisamos saber onde buscá-la.


Em uma festinha particular promovida por seu irmão Anthony e sua cunhada Kate,Greg conhece algumas damas dentre elas Hermione e Lucy. Melhores amigas dos tempos de escola elas não se desgrudam e de cara Greg se sente atraído por Hermione Watson,uma garota linda e deslumbrante que deixa todos os homens arremessados a seus pés,e que ao mesmo tempo ela não percebe que provoca essa reação em seus futuros pretendentes e a doce Lucy que apesar de ter consciência dos atrativos em sua amiga sempre fica em segundo plano,mas Hermione não está interessada em nenhum desses pretendentes pois está completamente apaixonada (ou achava que estava) pelo secretário particular de seu pai.

Mesmo sabendo que ele não é a pessoa adequada para sua amiga, Lucy percebe o repentino interesse que Gregory Bridgerton sentiu por Hermione e a seu modo tenta ajuda-lo a conquistar a amiga,dando dicas e conselhos do que ela gosta ou não,claro que de inicio ele fica descrente e tenta agir a seu modo o que é totalmente em vão pois Hermione nem se quer lhe dar uma abertura para tentar conhece-lo melhor e meio que a contra gosto ele acaba seguindo os conselhos de Lucy.

Lucy e Greg aos poucos vão se entregando a essa nova amizade que um passa a nutrir pelo outro,mas Lucy tem um pequeno "probleminha" seu noivado arranjado,mesmo ela não tendo nenhum sentimento de amor pelo "noivo" ela por motivo de seguir a etiqueta social decide seguir com os planos do tio,mesmo sentindo algo por Greg. Mal sabe ela que seu irmão da uma ajudinha sem querer...

Foi comprovado que a titia Julia é fã de Harry Potter e da Emminha (amo de paixão),hahahahaha....
Então.. Acaaaaboooouuuuuuuuu =( Não estou sabendo lidar com isso ainda... Infelizmente esse último livro não arrebatou meu coração como o primeiro da serie,pra falar a verdade achei bem fraquinho,mas isso não quer dizer que eu tenha desgostado ,gostei bastante mas não foi o melhor pra mim.
Lucy te cativa desde a primeira página e o Greg também,senti falta da participação dos outros membros da família,só um ou dois aqui e acolá aparecem na trama,até do ex-noivo/marido da Lucy tive uma leve simpatia por ele.

Muita coisa da estória não me surpreendeu muito pois já era de se esperar e bem previsível,não foi o melhor livro da serie mas vale a pena a leitura e pra quem ainda não leu nenhuma,correeeeee que ainda da tempo ^^

15 julho 2016

Resenha - Sedução da Seda - Loretta Chase

Titulo: Sedução da Seda.
Autor: Loretta Chase
Editora: Arqueiro
Número de Páginas: 304
Classificação: 4/5

Talentosa e ambiciosa, a modista Marcelline Noirot é a mais velha das três irmãs proprietárias de um refinado ateliê londrino. E só mesmo seu requinte impecável pode salvar a dama mais malvestida da cidade: lady Clara Fairfax, futura noiva do duque de Clevedon.

Tornar-se a modista de lady Clara significa prestígio instantâneo. Mas, para alcançar esse objetivo, Marcelline primeiro deve convencer o próprio Clevedon, um homem cuja fama de imoralidade é quase tão grande quanto sua fortuna.
O duque se considera um especialista na arte da sedução, mas madame Noirot também tem suas cartas na manga e não hesitará em usá-las. Contudo, o que se inicia como um flerte por interesse pode se tornar uma paixão ardente. E Londres talvez seja pequena demais para conter essas chamas.
 

Primeiro livro da série As Modistas, Sedução da seda é como um vestido minuciosamente desenhado por Loretta Chase: de cores suaves e românticas em alguns trechos, mas adornado com os detalhes perfeitos para seduzir.

Para alcançar seu objetivo,Marcelline precisa encontrar o duque de Clevedon na cidade da moda,Paris.Para enfim colocar seu plano em pratica além da arte da sedução ela também vai precisar de um pouco de sorte,pois além de convencer o duque a deixa-la vestir sua futura duquesa ela terá que participar da festa mais exclusiva de Paris a fim de chamar atenção também das damas sobre seu negócio.

Em parte os planos de Marcelline saem exatamente como ela planejou,bem,quase tudo mas como nem tudo são flores ela brincou com fogo literalmente,ciente de seus novos sentimentos ela acaba voltando pra Londres antes do previsto com o duque na sua cola.

Ao retornar para Londres tudo muda com relação ao duque e Marcelline e cada vez mais ele invade seu mundo e sua vida,e conquista quase instantaneamente Lucy filha de Marcelline,garotinha educada e muito mimada,que as vezes é insuportável de chata. E em meio a sentimentos caóticos e traições eles se unem cada vez mais e nada que fizerem pode destruir esse amor que só cresce a cada dificuldade.

Pessoas,finalmente consegui finalizar essa resenha,porque olha foi quase um parto de dezoito meses,passei uma semana com o word aberto e não conseguia vomitar nenhuma letrinha -.-.
Entendam,eu gostei bastante da estória apesar de do começo até a metade do livro é meio devagar o que pra mim ficou um pouco chato,adorei o casal e as irmãs e mal posso esperar pelos próximos da série. Não gostei nem um pouco da filha de Marcelline,meninazinha chatinha e mimada tinha momentos que eu queria entrar dentro do livro e dar uns cocorotes na cabeça dela.
Da metade em diante as coisas mudam e a adrenalina é demais e posso dizer que valeu a pena a leitura e pra quem gosta de romance de época não pode deixar de acompanhar essa serie!!!!!

28 junho 2016

Resenha - Confissões de uma Garota Excluída,Mal - Amada e (um pouco) Dramática - Thalita Rebouças

Titulo:Confissões de uma Garota Excluída,Mal - Amada e (um pouco) Dramática.
Autor: Thalita Rebouças
Editora: Arqueiro
Número de Páginas: 272
Classificação: 5/5

Tetê acaba de se mudar com a família toda para Copacabana, no Rio de Janeiro, para a casa dos avós. O lindo e espaçoso apartamento da Barra da Tijuca em que morava teve que ser vendido, pois com a crise o pai foi demitido, e o resultado é que a vida dela virou de cabeça para baixo. Além de perder a privacidade, tendo que dividir o espaço com cinco parentes malucos que brigam o tempo todo, ela perdeu todas as suas referências. A única coisa que a deixa feliz é cozinhar. E, claro, comer as delícias que faz.

O lado bom foi se livrar do antigo colégio, no qual sofria bullying por causa de seu jeito peculiar. Sem contar sua desilusão amorosa... O problema é que ela está apavorada, porque agora tudo será novo e estranho, com o ensino médio, com a nova escola, e sem conhecer ninguém. E morre de medo de ser excluída ou de sofrer bullying novamente. Ela está bem mal, para dizer a verdade. Ou talvez seja um pouco de drama, porque já no primeiro dia as coisas parecem ser um pouco diferentes... Pelo jeito, tudo vai mudar, e para melhor.

Ao mudar de escola  Teanira mais conhecida como Tetê espera que tudo seja diferente e que as pessoas possam gostar dela como realmente é e teme que novamente seja excluída (o que não deixa de ser um tiquinho verdade).
Temendo o sofrimento da filha e como sua vida mudou depois que seu pai perdeu o emprego e o apartamento em que viviam antes ela convence Tetê a procurar um psiquiatra para fazer terapia,e a menina timida e retraída acaba finalmente expondo todos os seus sentimentos e a partir daí sua vida dá um giro de 360º graus.

Em seu primeiro dia de aula ela faz amizade com Davi um nerd e Zeca o palhaço da sala que também na maioria das vezes sofrem com os comentários dos colegas mas que não se deixam abalar com certos comentários. E claro que não poderia faltar o garoto mais lindo da sala Erick (por quem Tetê tem uma quedinha) e  sua namorada Valentina uma verdadeira cobra criada filha de satã,que pega Tetê pra cristo mas que ela aprende a se defender.

Como era de se esperar na escola nova apesar de ter feito alguns amigos,Tetê continua sofrendo bullying mas com a ajuda de seus novos amigos ela consegue seguir com a vida um passo de cada vez,e com isso com o passar do tempo eles também a ajudam a dar um trato no visual sem mudar sua essência dando um pouco de confiança e autoestima.

E com tanta mudança acontecendo ao mesmo tempo Tetê deixa de ser BV e conhece o irmão do Davi que após a morte do avô passa a morar com ele e a avó e quem a ajuda no maior apuro de sua vida escolar,livrando-a de uma possível suspensão.

Confesso pra vocês que esse foi meu primeiro contato com a Thalita Rebouças e simplesmente amei sua escrita. Não é uma leitura maçante e vagarosa,rapidinho você lê e quando se dá conta da vida já terminou a leitura.
Amei todos os personagens,ri,chorei,quis matar alguns mas isso faz arte de toda leitura,e são poucos os livros em que consigo curtir todos os personagens,dei ótimas risadas com a família da Tetê,eles são completamente loucos,num sentido bom =)
Só acho que esse livro deveria ser adotado por todas as escolas,pois só quem sofre bullying sabe a cruz que é e quem faz deveria saber o sentimento que causa na vítima.
Leitura super recomendada!!!!!